Neon – Uma das grandes tendências da estação

Neon – Uma das grandes tendências da estação

A cor da estação? Nos dias que correm, não existe apenas uma. Há um consenso, no entanto, no look “olhem para mim” – e são as cores ácidas. 

Os designers de moda lançaram explosões de cores neon nas suas coleções. Valentino liderou o caminho com uma série de coordenados em verde, fuchsia e amarelo, seguido por Christopher Kane, um assumido amante do neon e de Rei Kawakubo.

Um look amarelo vivo/neon permite-nos brilhar até num dia em que o sol decidiu ser protagonista no filme que é a nossa vida.

Vamos ofuscar!

 

Continuar a ler

Tendência – Tons de jóias ricos e irreverentes

Tendência – Tons de joias ricos e irreverentes

Tal como na moda, as tendências estão em constante atualização e evolução no design de interiores.

Actualmente estou a adorar a utilização de tons de jóias ricos, intensos e irreverentes, em mobiliário e acessórios. O arrojado azul indigo, o maravilhoso verde-esmeralda, o profundo vermelho rubi e o turquesa escuro, estão finalmente preparados para se aventurarem fora das cozinha.

Estamos a criar ambientes em salas de estar e de jantar, em quartos e halls, com tintas, tecidos, papeis de parede, acessórios e tapetes nestas cores, criando algum drama num pano de fundo de elementos arquitecturais brancos.

O design de interiores permite-nos trazer diversão e alegria para dentro de casa, está na hora de o fazer através da cor das nossas jóias favoritas!

 

Continuar a ler

Extremo vs mono-cromático

Extremo vs mono-cromático

Esta estação a moda está a adotar texturas, cores, padrões e ornamentos extremos, o que tornou a Fashion Week super interessante e excitante.

Naturalmente as tendências para os vestidos em 2019 refletem um design “mais é mais”, por isso vamos nos preparar para aumentar o volume  no nosso estilo sazonal.

Mas nada de aflições, porque se quisermos um look clean e mono-cromático não temos nada a temer, podemos manter-nos em tendência através dos tecidos texturados.

O sol já está a espreitar e a temperatura a começar a aquecer, vamos escolher um vestido e aproveitar meninas!!!

 

Continuar a ler

O batom vermelho perfeito

O batom vermelho perfeito

 

Todas as mulheres adoram a ideia do batom vermelho e do instantâneo sex appeal que confere ao seu look… No entanto, quando não utilizado da forma correta pode ser demasiado. Assim, vou partilhar convosco algumas dicas rápidas, para potenciar os lábios vermelhos

1- Pense no resto da maquilhagem

Podemos usar batom vermelho e blush rosa? Eu digo que sim, desde que o blush seja aplicado de uma forma natural. Para uma parceria perfeita entre estes dois elementos devemos optar por um cat-ele liner.

2- Os lápis de contorno não são o inimigo

Já lá vão os dias em que o batom esborratava  e ficávamos com aquela linha de velhinhas… Se delinearmos os lábios com o lápis de contorno e preenchermos também o restante lábio, ficamos com um resultado de maior duração e cobertura, e com uns lábios lindos, suaves e aveludados.

3- Deixe os lábios serem a estrela

Se procura um look para usar durante o dia, mantenha a maquilhagem dos olhos simples e leve. Um olho esfumado e batom vermelho é uma afirmação, por isso é mais adequado para um jantar ou para uma saída à noite.

4- Lábios vermelhos não têm sempre de ser ousados

Para obter uma cor mais subtil e natural, aplique um hidratante primeiro, depois coloque o batom gentilmente com os dedos, do centro para fora. Assim, criará um look mais jovem e esbatido.

5- Combine com as cores da sua imagem

Pense no seu tom de pele e cor de olhos – fará toda a diferença. Brilhos arrojados ficam ótimos em contraste com peles mais escuras. Vermelhos-azulados, fazem os dentes parecer mais brancos, enquanto os vermelhos-alaranjados ficam fantásticos numa pele bronzeada.

6- A textura é importante

Se a preocupa a imagem do ousado batom vermelho, tente uma textura mate – sentir-se-à um pouco mais discreta 🙂

7- Deixam de existir regras quando descobrimos “o tal”

Na realidade, é que deixam de existir regras quando encontramos o tom e a textura que adoramos. E como sabemos se é o vermelho certo, “o tal”? Através do grau de confiança que sentimos ao olharmos ao espelho!!!

Continuar a ler

Reinterpretando o power suit

Reinterpretando o power suit

Os power suits tendem a viver num espaço surpreendentemente controverso.

As primeiras femininas disseram que era o derradeiro desafio ao patriarcado, porque quem precisa de feminilidade? Então, veio o argumento de que o feminino pode ser igualmente forte e com força de mudança, por isso vamos recuperá-lo e valorizá-lo, certo?

Muito embora estas conversas sejam dignas de nuances e descontruções de ambos os lados, hoje em dia queremos celebrar os power suits como uma forma de arte.

Com a ascensão da moda no instagram, podemos ver mais do que nunca o que as pessoas estão a usar em qualquer parte do mundo e obter inspiração.

O que eu adoro nos power suits desta estação é a sua capacidade de nos darem opções em termos de forma e função. Podem ser em seda, estruturados ou fluidos, com calças longas ou curtas… Podemos usá-los com camisas, tops, com lingerie ou simplesmente sem nada 🙂

A grande força do power suit em 2019 é que não há regras para o usar!

Continuar a ler

Na saia justa!!!

Na saia Justa!!!

 

Justa ao corpo e com uma linha direita… A saia lápis tem uma legião de fãs.

Pode ter começado como a imagem de marca das tradicionais executivas, a peça de roupa preferida da professora de religião e moral e da composta bibliotecária. Mas da mesma forma que o aborrecido cardigã se rebelou, a sensaborona saia lápis também mostrou ter um lado picante. Desde, rachas até à coxa ou vários comprimentos variados, se quisermos ser arrojadas podemos sempre arriscar e ornamentá-las com tiras de tanga embutidas (como na coleção de Tom Ford para Gucci Spring/Summer 1998).

Na realidade, na maioria das vezes, a persuasão do sex appeal de uma saia lápis venha da liberdade do estilo criativo de quem a veste. Para termos um bom exemplo, basta olharmos para o final dos anos 90 em busca de inspiraçã0, quando a saia lápis era frequentemente usada com um top justo para compensar a sua conservadora silhueta. Mais recentemente, Kim Kardashian também optou por a utilizar com tops tubo.

A minha opinião? Fazer o styling com um simples tank top ou com uma camisola de gola alta, mas sempre… com saltos agulha.

Para uma versão mais glamorosa, podemos coordenar com um casaquinho estruturado.

E é muitíssimo versátil porque podemos usá-la do trabalho para uma saída 🙂

Continuar a ler

Calções de ciclista – sim ou não???

Calções de ciclista – sim ou não???

Quando a Kim Kardashian publicou fotos dela a usar a estação 6 da Yeezy no ano passado, a primeira coisa em que foquei a minha atenção foi para o facto dela estar de calções de ciclista. A minha memória mais recente deste estilo até à data, foi de os ver nos atletas da volta a França e nas aulas de pilates. 

Nos anos 80, celebridades desde a Madona, à falecida Princesa Diana, foram adeptas deste estilo. E dando crédito a quem o merece, a campanha da Yezzy da KK foi o catalisador absoluto do regresso desta peça de roupa.

São extremamente confortáveis, e nesta nova tendência não são usados nem demasiado curtos, nem demasiado compridos, tornam-se assim bastante lisonjeiros na nossa figura.

A verdade é que hoje em dia os calções de ciclista se tornaram em “algo”, mais ainda, numa tendência de moda.

E podem ser utilizados tanto com uma hoodie XL, para um look descontraído, como com um blazer e stilettos ou botins para um look mais urbano e edgy.

Continuar a ler

Dior Prestige

 

Dior Prestige

A linha de cosméticos Dior Prestige concentra todo o poder extraordinário da Rosa de Granville. A sua utilização consegue uma regeneração excepcional e uma ação perfeita em todas as camadas da pele. Uma completa correção em todas as linhas de idade visíveis, que nos permite ter a sensação na pele da pétala de uma rosa – uma textura suave e refinada, elasticidade e um contorno harmonioso.

Verdadeiramente “la vie en rose”

 

Continuar a ler

Moschino para H&M

Moschino para H&M

 

Jeremy Scott diz que quando recebeu o telefonema para trabalhar em colaboração com a H&M em 2018, ficou excitadissimo, uma vez que adora a ideia de levar os seus Moschino designs às massas. 

A coleção tem um look urbano, a atitude da alta costura e o humor, e elementos de bling bling nos acessórios empilhados para criar o look da passarela. Foi tudo pensado como ingredientes num festim e o designer quis incluir todos estes elementos para garantir que esta colaboração teria toda a essência da Moschino.

E assim, esta coleção tem personagens de banda desenhada, elementos dourados, bijuteria ousada Moschino, lantejoulas e muito brilho, e sobretudo uma mistura e uma justaposição de peças que normalmente não é suposto estarem juntas.

A coleção Moschino (tv) H&M foi lançada no passado dia 08 de Novembro e tem sido um verdadeiro sucesso.

Foi-nos dito para esperarmos o inesperado e sem duvida que excedeu as expectativas!!!

 

Continuar a ler

Hora do chá!

Hora do chá!

No século XIX, a duquesa de Bedford instaurou o costume de tomar chá com as suas amigas a meio da tarde. Um costume que não tardou a popularizar-se, convertendo-se na actualidade, num dos menus mais aclamados nos restaurantes de vanguarda da capital britânica.

Na verdade, o gosto pelo chá é partilhado pelo mundo fora, havendo inclusivamente eventos sociais onde o chá é o protagonista gastronómico, sendo assim conveniente estarmos cientes das linhas de comportamento a seguir.

A hora do chá britânica é importante não apenas pela pontualidade, mas também pelas sua regras:

  • A infusão do chá deve ser feita no bule e nunca na chávena.
  • A chávena segura-se pela pega e nunca com as duas mãos, como se as estivesse a aquecer.
  • Quando se bebe o chá sentado, só se deve levantar a chávena. Se estiver em pé, o mais correto é acompanhar a chávena com o pires.
  • A colher deve ficar sempre no pires e nunca em contacto com a mesa ou a toalha.

A tradição e o contemporâneo uniram-se para manter este ritual  que ultrapassou fronteiras.

Continuar a ler